noticias602 Seja bem vindo ao nosso site Rede Mult de Comunicação!

Notícias

Mulher que estava com morto em banco diz que idoso morreu na agência: ‘Paulo chegou vivo’.

Publicada em 17/04/24 às 09:03h - 23 visualizações

Rede Mult de Comunicação


Compartilhe
Compartilhar a noticia Mulher que estava com morto em banco diz que idoso morreu na agência: ‘Paulo chegou vivo’.  Compartilhar a noticia Mulher que estava com morto em banco diz que idoso morreu na agência: ‘Paulo chegou vivo’.  Compartilhar a noticia Mulher que estava com morto em banco diz que idoso morreu na agência: ‘Paulo chegou vivo’.

Link da Notícia:

Mulher que estava com morto em banco diz que idoso morreu na agência: ‘Paulo chegou vivo’.
Advogada de mulher que estava com morto em banco diz que idoso morreu na agência  (Foto: Internet/Rede Mult de Comunicação)
Erika de Souza Vieira Nunes foi presa em flagrante por tentativa de furto mediante fraude e vilipêndio de cadáver.

A defesa da mulher que estava com um morto em um banco em Bangu, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, contesta a versão da polícia e afirma que o idoso chegou vivo à agência. O caso foi mostrado nesta terça-feira (16) pelo g1 e viralizou (veja acima).

Erika de Souza Vieira Nunes foi presa em flagrante por tentativa de furto mediante fraude e vilipêndio de cadáver. Ela disse ser sobrinha e cuidadora de Paulo Roberto Braga, de 68 anos, e tentou sacar R$ 17 mil. Para tanto, Paulo devia assinar um documento — mas, segundo o Samu, o idoso estava morto no guichê.

“Os fatos não aconteceram como foram narrados. O senhor Paulo chegou à unidade bancária vivo. Existem testemunhas que no momento oportuno também serão ouvidas. Ele começou a passar mal, e depois teve todos esses trâmites. Tudo isso vai ser esclarecido e acreditamos na inocência da senhora Erika”, declarou a advogada Ana Carla de Souza Correa.

O delegado Fábio Luiz afirmou que Paulo já estava sem vida quando Erika o levou à agência. “As pessoas do banco acharam que ele estivesse doente, passando mal, e chamaram o Samu. O médico do Samu, ao chegar no local, constatou que ele estava em óbito. E aparentemente, há algumas horas. Ou seja, ele já chegou morto ao banco”, destacou.

Os bancários passaram a gravar o atendimento quando desconfiaram do estado de Paulo e chamaram a polícia. Nas imagens, o idoso está em uma cadeira de rodas, e Erika tenta a todo momento manter a cabeça dele firme. A mulher chega a levar o braço direito do idoso à mesa, a fim de assinar o documento.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (85)99180053

Visitas: 63151
Copyright (c) 2024 - Rede Mult de Comunicação
Converse conosco pelo Whatsapp!